Ato contra o aumento da tarifa de ônibus

Acontece amanhã (07/01) o primeiro ato da campanha contra o aumento da tarifa do transporte coletivo em São Paulo. A concentração é às 16h, na frente do Teatro Municipal, e a saída da manifestação acontece às 17h.

Na última segunda-feira (04), começou a vigorar o aumento de 17% para os ônibus da capital. Um cidadão que utiliza ônibus e metrô (ou trem) para ir ao trabalho, gasta R$ 8,00 por dia.

O cidadão que utiliza apenas a precária rede de ônibus da capital (sem fazer integração com os trilhos) irá gastar R$118,00 a cada mês, apenas para ir e voltar do trabalho. O valor equivale a 23% do salário mínimo.

Enquanto isso, prefeitura e governo do Estado continuam a gastar bilhões em obras inúteis destinadas apenas ao tráfego de automóveis particulares, alimentando caixas de campanha para 2010 e os bolsos dos donos de construtoras.

A inequidade de gastos públicos entre o transporte coletivo (que atende a maioria da população) e o transporte individual motorizado transforma a placa da imagem acima em uma piada de extremo mau gosto.

No próximo domingo (10/01), a Rede de Luta Contra o Aumento promove uma reunião às 15h, no Ay Carmela (r. das Carmelitas, 140 – Sé).

rede de luta contra o aumento
tarifazero.org
postagens anteriores sobre o aumento

Share

One Comment

  1. Posted 14/01/2010 at 14h46 | Permalink

    Estamos mandando e-mail para todos os deputados e vereadores soobre o aumento da tarifa…

    Mandem também caso queiram..

    deputados

    —— edição do autor do blog:
    Rogerio, acabei retirando os endereços emails dos deputados e vereadores do seu comentário para evitar que as caixas de mensagem deles sejam transformadas em repositórios de spam.

    Tá certo que não são eles que lêem, que devem ter filtros de spam e tudo mais. Mas divulgar lista de emails em sites acaba ajudando e muito na disseminação do spam.

    Se tiver algum endereço onde os leitores do blog podem encontrar os endereços, fica melhor. Grato pela compreensão.
    ———–

Post a Comment

Your email is never shared. Required fields are marked *

*
*