Sextas de Bike II – A galeria Ouro Fino adora bicicletas

sexta_de_bike_2_01.jpg

Sexta-feira de garoa fina em São Paulo, cerca de 20 pessoas na Praça do Ciclista para a segunda “Sexta de Bike” de dezembro.

Durante a semana, uma notícia bizarra havia circulado pela internet. Ismael, que trabalha na galeria Ouro Fino, usa a bicicleta como meio de transporte em São Paulo. Todos os dias ele se locomove sem poluir o ambiente, sem fazer barulho, sem estimular a agressividade nem congestionar as ruas.

sexta_de_bike_ii_02.jpg
foto: Fourier

Num belo dia de Julho, Ismael foi avisado que fiscais municipais ameaçavam confiscar sua bicicleta, estacionada em um poste da rua Augusta.

A “denúncia” havia sido feita pela administração da Galeria Ouro Fino, estabelecimento que não possui local adequado para estacionamento de bicicletas, obrigatório para locais de grande afluxo de pessoas.

Mas as leis 13.955 e 14.266. até hoje não foram regulamentadas, portanto não existe punição para o infrator. Para atender à “denúncia” da galeria Ouro Fino e apreender a bicicleta do Ismael, os fiscais se valeram de uma lei que prevê multa de R$500,00 para “objetos” indevidos nas calçadas.

Será que barraquinhas de valet park ou traseiras de carros que “sobram” nas calçadas também são “objetos” passíveis de recolhimento e multa?

Ao longo da semana, a subprefeitura voltou atrás e devolveu a bicicleta para o Ismael.

Os participantes da “Sexta de Bike” resolveram dar uma passada na Galeria Ouro Fino para dar uma olhada nas vitrines e conferir como o estabelecimento recebe clientes e funcionários que colaboram com a qualidade de vida na cidade. Na chegada, ao tentar estacionar as magrelas, foram recebidos com um “aí não pode”.

Sem tempo ruim, levaram as bicicletas para dentro da galeria, conquistando sorrisos e apoio de todos os presentes. Porque a galeria Ouro Fino adora bicicletas! Dizem até que o estabelecimento vai instalar alguns paraciclos em sua calçada para os clientes e um bicicletário com vestiário para os funcionários.

[googlevideo=http://video.google.com/videoplay?docid=-8102496577989609227&hl=en]

relato e fotos no Falanstério
relato e fotos no pedalante
relato e fotos no Sandinista
álbum de fotos: Fourier
álbum de fotos: pedalante
vídeos Fourier: [1], [2], [3]
fotos: Lilx
fotos: luddista

Share

6 Comments

  1. Posted 16/12/2007 at 22h44 | Permalink

    Dia 21 a última do ano. Tem que ser muito boa!!

    Abraços

  2. Posted 17/12/2007 at 17h51 | Permalink

    Dia 21 é a última? E dia 28?

    Bem… dia 21 vai ser minha primeira. Trabalho toda sexta-feira, mas entro de férias dia 20 e estarei na bicicletada.

  3. Posted 17/12/2007 at 23h36 | Permalink

    Muito legal o post.

    Ainda vou conseguir fazer um bikemob no Mercado Central de BH. O Ponto mais visitado por turistas na cidade não pode ceder sequer o espaço de 1 vaga de automóvel, ao lado do caixa do estacionamento, sob o pretexto de perder arrecadação…

  4. Posted 18/12/2007 at 17h09 | Permalink

    Ulisses, acho que ele quis dizer que dia 21 é a última “extraordinária”, porque dia 28 tem a tradicional da última sexta-feira do mês… Na prática, toda última sexta desse mês de dezembro tem! :)

  5. Posted 18/12/2007 at 18h04 | Permalink

    Willian, Ulisses, o pessoal tá marcando a bicicletada do mês para essa sexta-feira (21), como nos últimos anos (antes do natal). E a sexta de bike “gran finale” é no dia 28, na sexta de bike dos remanescentes… :)

  6. Posted 19/12/2007 at 17h16 | Permalink

    Valeu Willian e Luddista. Se eu conseguir, apareço nas duas.

One Trackback

  1. […] a segunda Sexta de Bike de dezembro, uma repórter do jornal Destak esteve na Praça do Ciclista para conversar com os […]

Post a Comment

Your email is never shared. Required fields are marked *

*
*